33º Encontro da Confraria das Águas Escondidas – Jambeiro

Prezados(as),

Venha participar do nosso 33º encontro que acontecerá no Jambeiro. Escolha um excelente vinho e participe desta degustação!

Local: Restaurante Jambeiro
Endereço: Rua Presidente Domiciano, 131 – Ingá – Niterói – Rio de Janeiro
Tel.: (21) 2717-7393
Data: 31/10/09, sábado
Hora: 12h:30m
Taxa de rolha: R$ 15

ATENÇÃO: A degustação deste mês será temática.
Castas praticamente desconhecidas.  2º Parte: Castas Tintas

Variedades tintas excluidas da degustação: Cabernet Franc, Cabernet Sauvignon, Carménère, Malbec, Merlot, Syrah, Pinot Noir, Tannat, Tempranillo e Touriga Nacional.

*As despesas como sempre serão divididas entre os participantes.

Reservas: valeriapatrocinio@yahoo.com.br

Att.
Valéria Patrocínio

RESUMO DA DEGUSTAÇÃO

Prezados(as),

Mais uma degustação realizada!

A 33º edição da nossa degustação contou com a presença de 14 confrades. Como sempre, tudo na mais perfeita harmonia.
O Jambeiro, impecável no serviço. Localizado no Ingá, o Solar do Jambeiro (um antigo palacete do século XIX transformado em museu), abriga também este belo Restaurante. Pratos deliciosos, bem feitos e uma atenção especial fazem deste lugar para a CAE um ponto reservado na boa gastronomia de Niterói.
No comando de tudo isso, a amiga e nova presidente da CAE, Valéria Patrocínio. Parabéns Val!
Vamos ao vinhos degustados no dia 31/10/09.

1-Fortaleza do Seival Viognier 2008
Branco levado pelo confrade André Vallejo (correto?) para abrir os trabalhos.
Vinho amarelo palha com reflexos esverdeados, límpido, brilhante. Notas aromáticas de frutas brancas (abacaxi, melão) e florais.  Com 13,5% de álcool, possui uma boa acidez. Fresco mas falta alguma coisa no final. Persistência talvez. R$ 26

2-La Posta Estela Armando Bonarda 2007
Bonarda delicioso da La Posta. Este vinho foi apontado pela Wine Spirits como “um dos poucos grandes vinhos elaborados com a casta “Bonarda”. Um dos grandes achados da Argentina. Esse vinho tem o dedo, ou melhor, a mão inteira de Laura Catena. Vinho de Guaymallén, Mendoza. Este vinho permanece 10 meses em barricas de carvalho francês e americano. Aroma frutado, ótimo ataque de madeira e uma leve baunilha. Na boca é refrescante, frutado, taninos macios com um final mentolado delicioso e de boa persistência. Muito bom! Mesmo com 13,5% de álcool, demonstra ser um vinho muito agradável, equilibrado e com ótumo potencial de guarda. R$ 59

3-Dama de Toro 2007
Vinho produzido pela Bodegas Fariña com 100% Tinta de Touro (Tempranillo). Bela cor rubi, limpido e brilhante. De início, se mostrou meio tímido quanto aos aromas. Depois foi se abrindo e mostrando a que veio. Boa fruta no nariz. Em boca é um pouco melhor… Fresco, taninos sutis, de corpo médio e acidez baixa. Agradável, leve e gostoso, mas não é muito persistênte. Bom vinho para o dia-a-dia! R$ 45

4-Trumpeter Reserva Petit Verdot 2007
Bom vinho da Bodega Argentina Rutini. Um vinho de cor forte, rubi, redondo, taninos saborosos, equilibrado e com presença aromática (fruta, tostados e madeira). Um vinho diferente até por que não encontramos por aí com tanta facilidade um varietal de Petit Verdot. Ótimo vinho com alguns anos ainda pela frente. R$ 70

5-El Castro de Valtuille 2005
Excelente espanhol da uva Mencia. Um tinto singular! Aroma intenso, frutado com alguns toques de especiarias. Em boca, fruta gostosa (ameixas pretas), taninos gostosos, leve toque de pimenta, torrefação e baunilha. Um tinto maduro e encorpado. Mais quatro anos de guarda pela frente! R$ 115

6-Oxford Landing South GSM Grenache Shiraz Mourvèdre 2005
Cor rubi, de leve a médio corpo, brilhante. Aromas de frutas vermelhas (morango, framboesa e amoras). Em boca, corpo leve, taninos fracos e acidez incorreta. Alcoólico e final de boca ligeiro, totalmente desiquilibrado. Confesso que eu esperava mais deste vinho. Uma pena! US$ 7

7-Donatella Cinelli Colombini Leone Rosso Toscana IGT 2006
Região de Montalcino, terra do Brunello! Tinto com corte de Sangiovese e Merlot. Aroma frutado com notas de especiarias e defumado. Em boca, meio encorpado com taninos maduros, delicados e uma boa acidez. Final de boca agradável e elegante. Vinho pronto para beber! Só esperava um pouquinho mais deste vinho. Faltou alguma coisa… R$ 87
Vamos lá! Continuando…

8-Prelúdio 2007
O vinho do Danielle. Corte de 70% Merlot, 20% Cabernet Sauvignon e 10% Cabernet Franc.
Cor vermelho, escuro, sem muitos reflexos. No nariz, aromas potentes de frutas maduras com boa complexidade. Na boca, bom corpo, acidez elevada e final frutado e persistente. Um vinho adstringente, mostrando taninos firmes e presentes. Final de boca persistente e interessante. Um vinho muito diferente dos demais. Um vinho único e para poucos!

Degustado às cegas, cheguei a confundir com um possível argentino… O que me fez acertar este vinho sem nunca ter degustado antes, foi justamente as informações postadas anteriormente por colegas deste e outros fóruns. As informações que eu tinha guardado na mente, bateram de frente com as sensações que estavam ali, na minha frente. Sendo assim, só poderia se tratar de um vinho nacional, o Prelúdio do Marco Danielle.

Segundo o Tonelotto, o vinho teria que ser decantado por 1 hora para se mostrar na sua melhor forma. Mas como a grande maioria não gostou, acabou sobrando uma boa parte na garrafa.

Tive a “difícil tarefa” de levar para casa e depois de 40 minutos, degustei de novo. Realmente melhorou, mas pouca coisa. Agora, depois de uma hora e meia aproximadanente, o vinho já não estava legal. Aromas desagradáveis e um gosto em boca muito amargo. O vinho em si, não possui adição de conservadores como o dióxido de enxofre (SO2).

O Vinho não agradou a 80% dos presentes. É um vinho difícil, com carcterísiticas talvez rústicas mas com potencial de envelhecimento.. Geralmente não é o tipo de vinho que me agrada, mas é muito interessante. O vinho é o mais simples do Marco Danielle e custa aproximadamente R$ 40.

9-Fabula Pisano Late Harvest 2006
Amarelo ouro, brilhante. Linda cor! Aromas de mel, doce de laranja, frutas secas e minerais. Na boca é untuoso com boas notas de mel. Só achei um pouco doce demais chegando a ficar meio enjoativo no final. R$ 97

10- Domaine Cazes Rivesaltes Grenache 2003
Um ótimo tinto doce do Languedoc-Roussillon. Este cara (Domaine Cazes) é uma das maiores referências da Biodinâmica na França. Nariz perfumado, fruta e uma floral gostoso(violetas). Em boca possui uma acidez muito gostosa, álcool correto e muita amora no final. Finalizou muito bem a degustação. R$ 65

Galeria de imagens: http://www.flickr.com/photos/confrariadasaguasescondidas/

Acabou!

Foi muito bom rever os amigos neste belo almoço no Jambeiro. Espero vocês agora em Novembro com a nossa DFA 2009.

Até mais!


Abraços
Marcelo Andrade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s